conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Cultura

Especial Falas da Vida dá voz para pessoas 60+

Programa da Globo apresentou no dia 1 de outubro cinco personagens com o potencial de representarem as pessoas idosas do Brasil

Falas da Vida- Chicão
Chicão, de 89 anos, que muito trabalhou ao longo da vida e hoje mora em uma instituição de longa permanência é um dos entrevistados

No Dia Internacional da Pessoa Idosa, celebrado na sexta-feira, 1 de outubro, a Globo apresentou o especial Falas da Vida. O programa deu voz a experientes brasileiros, maiores de 60 anos, que quebram os tabus associados à ideia de velhice. Pessoas que participam da geração de riqueza do país, trabalhando, gerando renda e cuidando da família e por vezes da comunidade em que vivem. A apresentação foi da atriz e cantora Zezé Motta, 77 anos.

O Dia Internacional da Pessoa Idosa marca o combate a todo tipo de preconceito e joga os holofotes sobre essas pessoas, que estão cada vez mais ativas, presentes e necessitadas de reconhecimento de seus direitos. O especial apresentou cinco personagens, com o potencial de representarem cada um dos milhões de brasileiros, por meio do que eles de suas histórias de vida. São eles: 

Albertina Silva Rocha, a Bebel, educadora aposentada, 75, moradora de um povoado próximo aos Lençóis Maranhenses (MA). Ela esbanja vitalidade, e como disse um neto criado por ela, é mãe não apenas de sua grande família, mas de toda uma comunidade.

Chicão, 89, que muito trabalhou ao longo da vida e hoje mora em uma instituição de longa permanência em São Paulo, a Casa Ondina Lobo, com pessoas que se tornaram sua família e a quem ele conquista todos os dias com sua alegria de viver. 

Gracinda Mendes da Silva Senna, 72, carioca que encontrou nas faxinas o combustível para viver e se tornou modelo e miss. Ela descobriu com a maturidade que pode fazer o que quiser.

Joãozinho Carnavalesco, 74, cantor e compositor, fez sucesso nos grupos “Trio Mocotó” e “Originais do Samba”. Ele vive uma vida simples, ansioso para voltar a trabalhar com a música, o que precisou deixar de lado com a pandemia.

Regina Maria Leite Pereira, 65, de Belo Horizonte (MG), não só dedicada ao cuidado com a família, principalmente com a sogra que tem Alzheimer, mas uma empreendedora.

Falas da Vida - Globo

Equipe

Para a diretora geral Patrícia Carvalho, o programa deve inspirar e encorajar as pessoas, mostrando a realidade das pessoas idosas, mas também a resiliência e muita disposição para viver o presente. Como ela afirma, “apesar de limitações inevitáveis, tudo ainda pode ser sonhado”.

Além de Patricia, Falas da Vida tem direção de Ivone Happ e roteiro assinado por Ines Stanisieri, com produção de Beatriz Besser e consultoria de Jorge Félix e Hamilton Vaz Pereira. Rafael Dragaud é o diretor executivo, Mariano Boni, diretor de gênero. O especial está disponível na Globoplay, com acesso também para quem não é assinante.

(Fonte: Gshow / Fotos: TV Globo/João Miguel Jr – Divulgação)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Notícias

Atividade online oferecida pelo Campus Virtual Fiocruz tem como cuidados integrais, vacinação, contatos sociais, entre outros

Eventos

O Programa Vem Dançar, iniciativa da Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEME), terá neste ano um...

Notícias

Medida adotada pela prefeitura da capital, que entrou em vigor em fevereiro, vem gerando questionamentos por ter retirado um direito adquirido de idosos com...