conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Colunistas

Eu te amo meu Brasil!

Eu te amo meu Brasil - Maria Anastácia Manzano

Maria Anastácia Manzano*

Com a aproximação do Dia da Independência do Brasil, estou com sentimentos patrióticos. Eu sou patriota, defendo meu país e sou mesária voluntária nas eleições. Meus pais, que passaram pelos anos de ferro da ditadura, me ensinaram que dia de eleição é dia de festa, quando todos nós temos que sair de casa. Guardei sempre isso comigo e, além do resultado, é a nossa vontade manifestada que conta neste dia.

A inspiração veio no sentido de homenagear o país com música, é claro. E quantas músicas falam do nosso Brasil!

Inicio com aquela que é considerada o segundo hino nacional do país. Composta por Ary Barroso, nosso primeiro samba-exaltação foi gravada pela primeira vez em 1939 por Francisco Alves. Eu escolhi a versão tranquila com João Gilberto e mais dois baianos. Você reconhece de quem são as vozes que estão acompanhando o mestre da bossa nova?

Você pode escutar esta linda canção de Assis Valente, Brasil Pandeio, na voz de sua musa, Carmen Miranda, ou com o suave e delicado toque do João Gilberto, ou ainda com a esfuziante turma dos Novos Baianos. Eu escolhi a versão comunitária onde vários artistas expressam seus talentos e seu afeto pelo país. Eu achei lindíssima e espero que você também goste.

A voz afinada de Gal Costa nos traz outro samba exaltação, de Alcyr Pires Vermelho e David Nasser, também lançada por Francisco Alves, dois anos após o lançamento da Aquarela de Ary Barroso.

Considerado a maior festa brasileira, o Carnaval do Rio de Janeiro nos deu, por meio do grande Matinho da Vila, mais uma exaltação ao Brasil com sua Aquarela Brasileira. Embora não tenha ganho a folia de Momo daquele ano (1964) na voz e nos pés da Escola Império Serrano, a canção ficou na memória dos apaixonados por samba e pelo mestre Martinho.

O que seria do Brasil se não fosse seu povo, com seus defeitos, mas com sua simpatia, sua formosura, sua graça, sua mistura. Cantar seu povo é cantar o próprio país. Assim, sentindo-me homenageada por Moraes Moreira, este grande mestre da Musica Popular Brasileira que está encantando seres de outras paragens, termino minha homenagem ao meu país, que não troco por nenhum outro.

Cante comigo e diga-me quais as músicas que representam o Brasil pra você.

*Maria Anastácia Manzano

Especialista em Musicoterapia, dirigente de Dança Sênior e em breve gerontologista, Maria Anastácia Manzano (Foto by papai Crispin) é colunista do blog Nova Maturidade. As publicações serão quinzenais, mas temporariamente temos o privilégio de textos semanais.

Confira o currículo completo e a coluna de estreia Brincar com música: para além do cantar e tantas outras já publicadas no link.

Fale com a colunista: anastacia@novamaturidade.com.br ou deixe seu comentário.

(Imagem principal de luni39 por Pixabay)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Colunistas

Programa musical tem ido além da valorização dos talentos 60+, trazendo debates sobre etarismo e as conquistas femininas

Notícias

Atividade online oferecida pelo Campus Virtual Fiocruz tem como cuidados integrais, vacinação, contatos sociais, entre outros

Saúde & Bem-estar

Em sua 9ª edição, campanha alerta para a importância do cuidado com a saúde mental em tempos de prolongada pandemia e crises