conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Notícias

Webinário da Longevidade promove série de encontros em outubro

Célia Parnes - Secretaria Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo - Webinário Longevidade

A Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo inicia amanhã, 6 de outubro, uma série de encontros “Webinário da Longevidade”, em comemoração ao mês internacional do idoso. Serão palestras e debates com temas ligados à valorização da pessoa idosa e a promoção da longevidade ativa.

A iniciativa foi anunciada como parte das ações do governo do Estado no Dia Internacional do Idoso, dia 1° de outubro. As transmissões seguem até dia 29 de outubro, às terças e quintas-feiras, com exceção do primeiro encontro, sempre às 16 horas. O conteúdo estará disponível pelo canal do YouTube oficial da secretaria: https://www.youtube.com/socialsaopaulo/.

Na abertura, nesta terça-feira, dia 6 de outubro, às 17 horas, a secretária de Desenvolvimento Social, Célia Parnes (na imagem principal), irá conversar com o empresário, professor e entusiasta do envelhecimento ativo Abílio Diniz durante a Live Atitude Social, às 17 horas.

Logo após, haverá o webinar “Ações preparatórias e preventivas para a longevidade ativa”, às 17h40, com dr. Marcel Hiratsuka, médico geriatra; Sônia Noronha, fisioterapeuta; Deolinda Fabietti, mestre em gerontologia social, e Renata Define, psicóloga. A mediadora será Claudia Fló, coordenadora da área de Saúde do Idoso da Secretaria de Estado da Saúde.  

Na quinta-feira, dia 8, às 16 horas, para falar sobre a educação como instrumento de mudança, o professor e doutor Egídio Dorea, coordenador da USP 60+, mediará o debate com a participação de Élcio Luiz Pereira, coordenador técnico da Educação de Jovens e Adultos (EJA) de Ribeirão Preto, e dra. Carla da Silva S. de Castro, presidente do Conselho Municipal do Idoso da cidade.  

Finanças, benefícios e serviços

photo of woman standing in front of mirror
Protagonismo será um dos temas (Photo by Luizmedeirosph on Pexels.com)

Já no dia 13, a pauta será o planejamento financeiro, com a mediação da vice-presidente da Comissão Estadual de Emprego do Estado de São Paulo, Fátima Cortella. Os convidados serão Sérgio Serapião, fundador do Movimento LAB 60+; Márcia Tavares, fundadora e CEO da WeAge, e Yuri Lima, fundador da LABORe.

A importância dos benefícios previdenciários e assistenciais será o tema do dia 15, com a mediação da assistente social Anitta Martins. As palestrantes serão Antonia Oliveira, coordenadora estadual do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e Carolina Silva, assistente social do INSS.

Elisabel Menezes, coordenadora do Programa São Paulo Amigo do Idoso vai mediar um bate-papo no dia 20 sobre as perspectivas dos serviços de acolhimento à pessoa idosa pós Covid-19. Os convidados serão Edson Silva, diretor técnico de Proteção Social Especial da Secretaria de Desenvolvimento Social; Rachel Katz, coordenadora da área de Serviço Social da Unibs, e a profa. dra. Yeda Duarte, coordenadora do Estudo SABE – Saúde, Bem-estar e Envelhecimento.

Violência, diversidade e participação

Dia 22, no Webinário da Longevidade, vai ser a vez de falar sobre violência contra pessoas idosas, com a mediação de Margareth Martins, membro do Conselho Estadual do Idoso. Os participantes serão dr. César Politi, advogado e especialista em Direito Médico e da Saúde; dr. José Roberto Barreira, promotor de Justiça, e Elaine Moura, especialista em políticas públicas para o envelhecimento da Secretaria de Desenvolvimento Social.

A conversa no dia 27 será sobre “Diversidade e cidadania não tem idade!”, com mediação de Felipe Madio e Eloya Rocha, assessor técnico e diretora técnica, respectivamente, da Secretaria de Desenvolvimento Social. Os participantes são o dr. Milton Crenite, médico e diretor de projetos da ONG EternamenteSOU; profa. dra. Bibiana Graef, e o prof. dr. em Saúde Pública, Alexandre Silva.

No último dia do Webinário da Longevidade, no dia 29, o tema será “Participação Social e protagonismo da População +60” com presença da coordenadora de Políticas para a Pessoa Idosa da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo (SMDHC-SP), Sandra Gomes, e Tomas Freund, vice-presidente do Conselho Estadual do Idoso.

Projeto Longevidade

No dia 1º de outubro, o governo do Estado de São Paulo também lançou o projeto ‘Longevidade’, que promove a inclusão produtiva e digital para a população de baixa renda acima de 50 anos. No evento, realizado no Palácio dos Bandeirantes, ainda foram entregues 11 novos Centros de Convivência do Idoso (CCI) e concedidos a 27 municípios o selo “SP Amigo do Idoso”.

O projeto prevê ações preparatórias e preventivas para garantir a longevidade ativa e produtiva economicamente. Os pilares da iniciativa são:

Mobilidade Social – com ações que asseguram a dignidade dos idosos por meio dos direitos e necessidades socioassistenciais, financeiras e físicas;

Inclusão Produtiva – com ações que permitam o engajamento dos idosos nas atividades de desenvolvimento econômico (trabalhos formal, informal e voluntário);

Educação Continuada – com ações que proporcionam oportunidades de aprendizagens diversas durante todo o curso da vida;

Tecnologia – com ações que asseguram a inclusão digital dos idosos;

Saúde & Bem Estar – com ações que previnam e reduzam os fatores de risco das doenças crônicas e da mortalidade prematura.

SP Amigo do Idoso

Os Centros de Convivência do Idoso (CCI) integram o programa SP Amigo do Idoso e são espaços de socialização para evitar o isolamento da pessoa da Terceira Idade. Os novos centros entregues foram CCI Mirassolândia, CCI Nova Campina, CCI Oscar Bressane, CCI Palmeira D’Oeste, CCI Santa Clara D’Oeste, CCI Santa Cruz do Rio Pardo, CCI São João do Pau D’Alho, CCI São José do Barreiro, CCI Turmalina, CCI Torrinha e CCI Areiopolis.

E os selos SP Amigo do Idoso foram concedidos para Aguaí, Cajamar, Capão Bonito, Catiguá, Diadema, Divinolândia, Espírito Santo do Pinhal, Estiva Gerbi, Francisco Morato, Franco da Rocha, Guarulhos, Irapuru, Itariri, Marília, Mauá, Mogi Mirim, Mongaguá, Nipoã, Ourinhos, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Santa Cruz das Palmeiras, Santo André, Santo Antônio do Jardim, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul e São João da Boa Vista.

A cidade de São Paulo é uma das poucas do Estado que tem o Selo Intermediário da iniciativa, e agora trabalha pela conquista do Selo Pleno. Leia mais no blog. (Fonte: Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo / Foto: Governo do Estado de São Paulo)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Colunistas

Programa musical tem ido além da valorização dos talentos 60+, trazendo debates sobre etarismo e as conquistas femininas

Iniciativas & Projetos

Evento será em formato híbrido, presencial e online, com diversas palestras e expositores, com início no dia 29 de setembro

Saúde & Bem-estar

Em sua 9ª edição, campanha alerta para a importância do cuidado com a saúde mental em tempos de prolongada pandemia e crises