conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Cultura

Tudo o que você precisa saber sobre o Dia Mundial da Cerveja

Dia Mundial da Cerveja - artigo Carol Scheibe

O Dia Mundial da Cerveja, comemorado desde 2007 sempre na primeira sexta-feira de agosto, foi criado na Califórnia pelos amigos Jesse Avshalomov, Evan Hamilton, Aaron Araki e Richard Hernandez para exaltar uma das bebidas mais consumidas no mundo e toda a cadeia de fornecimento.

Segundo Evan Hamilton, para celebrar o dia basta beber uma boa cerveja, presentear seus amigos com cerveja, aumentar seu conhecimento sobre a bebida e reconhecer o trabalho das pessoas que fazem a cerveja chegar ao seu copo.  

Além da data criada pelo quarteto californiano, a cerveja ainda é exaltada em diversos outros momentos ao longo do ano. Em 17 de março a tradição é comemorar o St Patrick´s Day e no dia 18 de julho é dia de Santo Arnulfo de Metz, padroeiro dos cervejeiros. No Brasil, o Dia da Cerveja Nacional ou Dia da Cerveja Brasileira é comemorado em 5 de junho. Enfim, já deu para perceber que a cerveja é uma bebida importante para a humanidade há muitos anos. 

Desde os primórdios até hoje em dia 

Por isso, não é possível enquadrar a cerveja e dizer que a bebida pertence a uma determinada época, cultura, estilo de pessoa ou qualquer outra ideia limitante. Cerveja não tem sexo, raça, nacionalidade. Ela simplesmente existe e acompanha a jornada da homem no planeta Terra há milhares de anos. Credita-se a ela, inclusive, parte da evolução da humanidade, afinal nos primórdios não era nada fácil encontrar água potável. 

Na Idade Média, era o processo de fermentação da cerveja que garantia a morte e a inibição de vários organismos e microrganismos causadores de doenças. Assim, a cerveja tornava-se mais segura para o homem medieval do que a água.

Seguindo um pouco mais adiante na história da humanidade, a utilização de ervas e, posteriormente, o lúpulo passou a conferir tempo de guarda para a cerveja. Com a adição desses ingredientes a bebida ela durava mais e poderia ser transportada para ser consumida posteriormente. 

Do campo ao copo, uma jornada cervejeira

Desde os primórdios, a experiência de beber cerveja é algo transversal, mexe com os cinco sentidos e permite viajar no tempo, no espaço e, porque não, desafiar algumas leis da física. Por isso, apesar de todos os estilos, tipos de fermentações, escolas cervejeiras a peça mais importante desse jogo é o consumidor e a relação que se estabelece com a bebida. 

Dia Mundial da Cerveja
Dia Mundial da Cerveja celebra quem produz o grão até quem serve o copo (Imagem de Marcelo Ikeda Tchelão por Pixabay

Todos os profissionais envolvidos na cadeia produtiva da cerveja, do agricultor ao dono do bar, direcionam seus esforços e conhecimentos na eterna busca da cerveja perfeita. Afinal, todos, de quem produz o grão a quem serve o copo, desejam ver o brilho no olhar de quem encontra exatamente a cerveja que estava esperando. Isso é mágica.

Como mestre cervejeira e beer sommelière, posso afirmar, por experiência própria, que não há sensação melhor do que presenciar a expressão felicidade no rosto do cliente quando você acerta na mosca.

O mais legal de adentrar ao universo cervejeiro é perceber o quão democrática a cerveja pode ser. Além disso, vale ressaltar que degustar cerveja é, e sempre será, uma experiência individual. Fato que desobriga as pessoas a limitarem suas escolhas a sempre consumir um determinado estilo ou escola. Por isso, a regra é não ter regra na hora de curtir a cerveja que lhe cai bem, sem imposição ou julgamentos. 

Recentemente, escutei a frase “memória tem sabor” e fiquei pensando longamente as memórias afetivas a cerveja nos proporciona. Sabe aquela cerveja escura e adocicada que toda avó afirmava ajudar a “descer o leite” ou aquela cerveja clara, leve e bem gelada que bebíamos em pé no bar da faculdade trocando ideias com os amigos? Então, não como negar memória tem gosto, cheiro, textura, trilha sonora e muitas outras sensações e sentimentos.

Como comemorar com os amigos à distância? 

Dia Mundial da Cerveja celebre com os amigos
A data foi no dia 7 de agosto mas sempre é tempo de celebrar. Aproveite o Dia dos Pais (Imagem de tookapic por Pixabay)

Atualmente, vivemos um momento complicado no qual não podemos confraternizar com as pessoas devido à pandemia do novo coronavírus. Mas, contra à Covid-19 além das máscaras, distanciamento social e higienização das mãos temos a mente. Por meio dela, conseguimos nos adaptar rapidamente ao mundo digital e podemos convidar nossos amigos para um encontro virtual e fazer um brinde. 

Para te incentivar nessa missão de comemorar virtualmente o Dia Mundial da Cerveja, convidei alguns amigos para dar sugestões de cervejas para à data: 

“Então que tal celebrar esse dia com uma Rebellion Noire, da Maniacs Brewing Co.? Mais especificamente uma Belgian Dark Strong Ale maturada em carvalho americano, escura, intensamente maltada e corpo alto, espuma bege de média formação e retenção, como o inverno curitibano pede. Notas de frutas escuras e baunilha derivadas do carvalho garantem a complexidade necessária à cerveja”, sugere Adriana Walter, beer sommelière.. 

Para Rafael Prá da Growlex Bacacheri a cerveja ideal para comemorar o Dia da Cerveja é aquela que você tiver na geladeira. Mas, se você não tiver nenhuma, pode passar na loja do Rafa e calibrar o seu growler com alguma cerveja deliciosa da Cervejaria Turbinada. 

A minha escolha é uma American Brown Ale lançada em comemoração aos 15 anos da Mestre-Cervejeiro.com. Assinada por Daniel Wolff em parceria com Pete Slosberg, fundador fundador da Pete´s Brewing Co, e Richard W. Brighenti, proprietário da Lohn Bier essa cerveja tem muita personalidade. Ela é uma releitura atualizada e encorpada da Pete’s Wicked Ale – no estilo American Brown Ale, lançada na década de 1980 pelo americano Pete Slosberg.

Escolhi essa cerveja porque a concepção dela envolve amigos que se mobilizaram para produzir uma cerveja única e deliciosa que marcou uma era. Além disso, envolveu pessoas que estavam geograficamente separadas, mas unidas pelo amor pela cerveja. Isso é pura poesia. 

“A cena cervejeira artesanal curitibana sempre foi destaque nacional. E vem evoluindo constantemente. Em questão de número de cervejarias, de rótulos e de premiações. E agora em tempo de pandemia, a união dos cervejeiros locais junto com os pontos de venda e diversos profissionais da área faz todo sentido e tem que acontecer. A rede Mestre-Cervejeiro.com sempre apoio às cervejarias locais. Ainda mais porque somos daqui, e nesse momento vamos apoiar ainda mais”, comenta Daniel Wolff, fundador e CEO da Mestre-Cervejeiro.com. 

Por fim, a minha dica para o Dia Mundial da Cerveja é experimente. Abra sua mente, busque provar novos sabores e sensações, isso faz muito bem. Mas, sem muita frescura ou regra. Apenas escolha uma cerveja que te faz feliz e comemore, afinal estamos precisando de motivos para sorrir. 

*Carol Scheibe, beer sommelière, mestre cervejeira, sócia fundadora da Whatever Cervejaria e co-idealizadora do Cerveja Fora da Caixa

(Fonte: Comando Comunicação / Imagem principal de carolineandrade por Pixabay

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Colunistas

Programa musical tem ido além da valorização dos talentos 60+, trazendo debates sobre etarismo e as conquistas femininas

Iniciativas & Projetos

Evento será em formato híbrido, presencial e online, com diversas palestras e expositores, com início no dia 29 de setembro

Saúde & Bem-estar

Em sua 9ª edição, campanha alerta para a importância do cuidado com a saúde mental em tempos de prolongada pandemia e crises