conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Notícias

Pessoas idosas começam a receber 4ª dose

Vacinação começa na sexta na capital de São Paulo e em todo o Estado a partir de segunda; no Rio Grande do Norte, no sábado

vacinação Vagner Santos/Prefeitura de Cotia-SP

A quarta dose da vacina de Covid-19 para os idosos acima de 80 anos de idade deve começar a ser aplicada em São Paulo na segunda-feira, dia 21 de março. Na capital, a imunização começa já nesta sexta-feira, dia 18, e deve atender 250 idosos com 80 anos ou mais. A imunização é uma recomendação do Comitê Científico da Covid no Estado, e também do último Boletim do Observatório Fiocruz Covid-19.

De acordo com o governo do Estado, o Comitê levou em consideração na decisão o alto índice de mortalidade entre os idosos desta faixa etária durante a circulação da variante Ômicron, que foi superior aos óbitos ocorridos nos dois outros picos da pandemia em 2020 e 2021.

Em todo o Estado, estão aptos a receber a quarta dose cerca de 900 mil idosos, desde que tenham recebido a dose de reforço (3ª dose) com um intervalo de quatro meses. Até então, a quarta dose só era aplicada em pessoas com imunossuprimidas.

No Rio Grande do Norte, tem início no sábado, dia 19, a aplicação da quarta dose para idosos acima de 60 anos. A decisão foi tomada em reunião da Câmara Técnica da Vacina do Estado e com a utilização dos imunizantes da Pfizer, Janssen ou Oxford, devendo ser aplicada após quatro meses da terceira dose de acordo com a disponibilidade do imunizante. 

Vacinômetro

Até as 12h45 da última quarta-feira, o Vacinômetro do Estado de São Paulo indicava que 99,19% da população estava protegida com ao menos uma dose contra a Covid-19 e 90,11% com o esquema vacinal completo. Até o momento, foram aplicadas 102,4 milhões de doses em todo o Estado.

O secretário de Estado da Saúde, Jean Gorinchteyn observou que os bons índices de vacinação repercutiram na queda de internações em unidades hospitalares. De acordo com os números da Pasta, nas últimas seis semanas, o Estado registrou uma redução de 77% em internações em enfermarias e unidades de terapias intensivas.

(Fontes: Governo do Estado de São Paulo / Governo do Rio Grande do Norte / G1 / Imagem principal: Vagner Santos/Prefeitura de Cotia-SP)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Colunistas

Programa musical tem ido além da valorização dos talentos 60+, trazendo debates sobre etarismo e as conquistas femininas

Notícias

Atividade online oferecida pelo Campus Virtual Fiocruz tem como cuidados integrais, vacinação, contatos sociais, entre outros

Saúde & Bem-estar

Em sua 9ª edição, campanha alerta para a importância do cuidado com a saúde mental em tempos de prolongada pandemia e crises