conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Artigos

O Brasil está preparado para envelhecer?

Artigo - O Brasil está preparado para envelhecer

Vânia e Deco Guelfi*

O número de idosos no Brasil chegou a quase 33 milhões, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados em 2019. Outro ponto que chama a atenção nesse levantamento, é o número de pessoas com mais de 60 anos que já é superior ao de crianças com até 9 anos de idade. Diante desse cenário, vem a pergunta: temos políticas públicas pensadas para atender às necessidades dos idosos?

Pensamos que precisamos olhar mais para o futuro e já refletir o que será necessário fazer, construir e criar para atender de forma satisfatória essa parcela (cada vez maior) da população. Quando tocamos nesse assunto, é interessante salientar que existem algumas ações estratégicas a serem feitas, como o planejamento da estrutura financeira, além das óbvias e igualmente necessárias, medidas de infraestrutura de municípios e estados em todo o país.

Tecnologia agregada

E tudo isso está pautado, é claro, pela tecnologia. Como estamos vivendo a chamada era digital, o planejamento e a implantação do conceito de cidades inteligentes, as Smart Cities, é mais do que bem-vindo enquanto a prioridade forem o bem-estar, o crescimento da economia e tudo que envolve a sustentabilidade. Olhar para melhorias na engenharia civil e na arquitetura, que vão resultar em edificações mais “saudáveis” para os idosos, precisam começar já. Todo mundo ganha com isso!

Precisamos entender também como melhorar a mobilidade urbana. Entender, por exemplo, que o tempo de alguns semáforos para a passagem de pedestres pode ser insuficiente para um idoso. A sinalização pode ser mais inteligente e baseamos nosso argumento em um ponto: não só o pedestre será mais velho, mas o motorista também. Não basta favorecer um lado, tem que ser bom para os dois. Esse é um exemplo prático, mas vários outros vão surgir se debruçarmos sobre o tema.

Soluções inteligentes são o futuro e elas podem ser encontradas na tecnologia. Mas é preciso começar já, inclusive a incentivar a prática e o contato dos idosos com a tecnologia, dispositivos eletrônicos, soluções digitais. Tudo isso significa independência!

O olhar para as finanças

Você deve estar se perguntando, o que fazer com relação às finanças? Envelhecer é caro e esse ponto pode render muitas esferas. Nossos gastos só vão aumentar, seja com remédios, planos de saúde ou com o básico, como alimentação. Por isso, precisamos olhar para essa educação financeira, guardar, investir, além disso, exigir planos melhores em relação a uma qualidade de vida com mais ações movidas por órgãos responsáveis olhando e respeitando essa faixa etária que só cresce. Em 2030, o número de idosos ultrapassará o total de crianças até 14 anos. Por isso, perguntamos: como será o envelhecer no Brasil?

Vânia e Deco Guelfi - O Brasil está preparado para envelhecer

*Vânia e Deco Guelfi

São sócios e proprietários no residencial para idosos Jardim das Palmeiras, com unidades em São Paulo e outra em São José dos Campos. Atuam no segmento há 21 anos.

(Fonte: LA Comunicação / Imagem principal: Verão foto criado por gpointstudio – br.freepik.com)

5 Comentários

5 Comments

  1. Rosária

    6 de julho de 2021 às 10:23

    Envelhecer é um ciclo que precisamos conscientizar os jovens a se preocuparem e cuidar do hoje com visão do seu amanhã!

    • Katia Brito

      7 de julho de 2021 às 10:30

      Com certeza, os jovens também vão envelhecer, porque a opção a isso é a morte. Eles precisam estar preparados.

  2. Samuel

    6 de julho de 2021 às 23:41

    Como devo encarar o meu futuro pois estou com 87 anos ?

    • Katia Brito

      7 de julho de 2021 às 10:27

      Samuel, se pensarmos que as pessoas estão vivendo além dos 100 anos ainda há muitos anos pela frente, tudo depende das suas condições de saúde, o que te motiva a levantar todos os dias, os sonhos e projetos que você tem. É um período desafiador da vida, mas que pode ser também de novas possibilidades.

  3. João Florencio

    7 de julho de 2021 às 14:04

    Parabéns Vania e Deco pela oportuna reflexão, e como disseram temos que começar agora.
    “Certa vez perguntaram a Galileu: quantos anos voce tem. Ele já bem idoso respondeu uns 20 ou 30, e explicou, são os que me restam pois os outros já gastei”
    Então todos devem pensar nos idosos pelos proximos 20 ou 30 anos!!!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Notícias

Atividade online oferecida pelo Campus Virtual Fiocruz tem como cuidados integrais, vacinação, contatos sociais, entre outros

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Eventos

O Programa Vem Dançar, iniciativa da Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEME), terá neste ano um...

Notícias

Medida adotada pela prefeitura da capital, que entrou em vigor em fevereiro, vem gerando questionamentos por ter retirado um direito adquirido de idosos com...