conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Eventos

I Fórum Nacional da Pessoa Idosa está com inscrições abertas

Evento online, promovido pela Secretaria Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, será entre 13 e 16 de abril

Evento vai promover discussão sobre o cenário atual do envelhecimento populacional no Brasil

Estão abertas as inscrições para o I Fórum Nacional da Pessoa Idosa: “Envelhecimento e seus Desafios no Brasil”. O evento, promovido pela Secretaria Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, será entre os dias 13 e 16 de abril, a partir das 14 horas, com transmissão ao vivo pelo Facebook e Youtube do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. Inscrições pela Escola de Assistência Jurídica (Easjur), um órgão auxiliar da Defensoria Pública do Distrito Federal (DPDF).

O objetivo do Fórum, de acordo com o ministério, é promover uma discussão sobre o cenário atual do envelhecimento populacional no Brasil e possíveis propostas para o atendimento às necessidades da população idosa brasileira. Serão abordados variados aspectos, como uso de tecnologias, participação e protagonismo da pessoa idosa e rede de proteção e acolhimento.

Na mesa de abertura do evento no dia 13, estarão presentes a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves; Antonio Costa, da Secretaria Nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (SNDPI/MMFDH); a desembargadora do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), Sandra de Santis Mello, e, a defensora pública-geral do Distrito Federal, Maria José de Nápolis.

Também estarão no primeiro dia do Fórum Nacional, o presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (Cidoso), deputado federal Frederico Escaleira, e a procuradora-geral de Justiça do Distrito Federal e territórios, Fabiana Barreto.

Um dos objetivos é debater propostas para o atendimento desta população

Programação

A programação do segundo dia (quarta, dia 14) terá o Eixo 1: Tecnologias e Envelhecimento, com palestras sobre telemedicina, telessaúde de cuidado biopsicossocial sênior, as novas tecnologias como instrumentos de promoção da saúde, o papel da defensoria pública no acesso às tecnologias pelas pessoas idosas e o uso da tecnologia para os beneficiários do INSS.

Em seguida, haverá a mesa de debate “Inovações Tecnológicas e Barreiras para a inclusão digital”. Os convidados são Egídio Dórea, diretora da Aging2.0 e coordenador da USP 60+; Sérgio Duque Estrada, representante da Aging2.0 para a América do Sul e co-fundador da Consultoria Ativen; Cilene Queiroz Pinheiro de Oliveira, presidente da Associação Brasileira de Alzheimer (ABRAz) São Paulo, e Wilson Jacob Filho, médico e professor do Hospital das Clínicas da Daculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP).

Proteção e acolhimento

As palestras do Eixo 2: Redes de Proteção e Acolhimento na quinta-feira, dia 15, serão sobre atenção integral à pessoa idosa, rede de proteção, Alzheimer e outras demências, e arranjos de acolhimento. A mesa de debate do dia terá como tema “Propostas e possibilidades de melhorias e qualificação da rede de proteção e acolhimento à pessoa idosa no Brasil”.

Os convidados para o debate são a psicóloga e consultora do Ministério da Saúde, Maria Cristina Corrêa Lopes Hofmann; o geriatra e presidente da ABRAz – Distrito Federal, Otávio Castello de Campos Pereira; delegada da Delegacia de Proteção à Pessoa Idosa de Porto Alegre (RS), Cristiane Machado Pires Ramos, e o delegado de Sergipe, Gabriel Ribeiro Nogueira Júnior.  

Protagonismo e idadismo

O Eixo 3: Protagonismo da Pessoa Idosa e mecanismos de valorização vai abrir a programação do último dia do Fórum, na sexta, dia 16, com palestras sobre testamento vital, mercado de trabalho para os 50+ e conexões e relações na comunidade.

O encerramento será com a mesa de debate “O impacto da comunicação do idadismo X a valorização do envelhecer”, com a jornalista especializada em saúde e longevidade, Lina Menezes; Marie Claire Eshkenazy, ativista da velhice, e Willians Fiori, especialista em Longevidade.

Em janeiro, o ministério e a Defensoria Pública do Distrito Federal (DPDF) também promoveram a Jornada de Qualificação da Política de Atendimento ao Idoso. Mais detalhes sobre a programação do Fórum Nacional da Pessoa Idosa no link.

(Fontes: Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos e Escola de Assistência Jurídica – Easjur – da Defensoria Pública do Distrito Federal / Imagem principal: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Colunistas

Programa musical tem ido além da valorização dos talentos 60+, trazendo debates sobre etarismo e as conquistas femininas

Iniciativas & Projetos

Evento será em formato híbrido, presencial e online, com diversas palestras e expositores, com início no dia 29 de setembro

Saúde & Bem-estar

Em sua 9ª edição, campanha alerta para a importância do cuidado com a saúde mental em tempos de prolongada pandemia e crises