conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Iniciativas & Projetos

Glossário Coletivo destaca idadismo no dia a dia

Material, idealizado pela Longevida, reúne termos, expressões, frases e situações que revelam o preconceito contra a pessoa idosa

Glossário Coletivo de Enfrentamento ao Idadismo - Longevida

A Longevida, consultoria na área do envelhecimento, lançou no dia 10 de dezembro, Dia dos Direitos Humanos, o Glossário Coletivo de Enfrentamento ao Idadismo. O material, produzido de forma colaborativa, com importantes parceiros, reúne termos, expressões, frases e situações que revelam como o idadismo, o preconceito contra a pessoa idosa, está presente no cotidiano. Faça o download gratuito no site: longevida.ong.br

Para a produção do Glossário Coletivo, a Longevida contou com a parceria da Prefeitura do Recife, por meio da Gerência da Pessoa Idosa; Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE); Grande Conselho Municipal do Idoso de São Paulo; Secretaria Municipal de Cidadania e Direitos Humanos de São Paulo; Casa Vovó Bibia de Apoio à Família, também de Recife (PE), e o Movimento Atualiza.

Glossário Coletivo de Enfrentamento ao Idadismo - Longevida

Esta jornalista, Katia Brito, criadora do blog Nova Maturidade e também integrante da equipe da Longevida, colaborou com a obra, escrevendo a apresentação que referencia a Década do Envelhecimento Saudável (2021-2030). Produzido por uma super equipe, o projeto foi coordenado pela diretora da Longevida, Sandra Gomes, e tem como jornalista responsável, Cláudio Roberto Marques. O design gráfico é da PNZ Comunicação.

A primeira palavra em destaca no Glossário Coletivo é “ainda”. Difícil alguém que não tenha falado frases como “Ainda dirige com essa idade”, “Ainda trabalha”, “Ainda viaja”… São frases que revelam o preconceito e representam a descrença das muitas potencialidades da velhice, retirando a autonomia e independência da pessoa idosa.

Outra questão bastante presente no Glossário Coletivo são referências à infantilização das pessoas idosas, como a frase “A velhice é uma segunda meninice”, que também poderia ser “O idoso volta a ser criança”. Uma inverdade que descarta a história de vida e as vivências das pessoas idosas. A infância e a velhice são fases diferentes da vida, os extremos da nossa existência, que devem sim trocar e compartilhar conhecimentos, o que chamamos na gerontologia de intergeracionalidade, e não ser niveladas.

Enfrentamento ao idadismo

A iniciativa é uma das ações da Campanha de Enfrentamento ao Idadismo “Lugar de pessoa idosa é onde ela quiser”, lançada em outubro de 2021 pela Longevida. Outras ações foram as lives sobre o duplo preconceito que muitas vezes envolve a pessoa idosa, em relação ao capacitismo, ao racismo, à população LGBTQIA+, a feminização da velhice. Temas que nos revelam como o idadismo, infelizmente, está na estrutura da sociedade, nas instituições públicas e privadas, e por vezes é reproduzido pelas próprias pessoas idosas.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Colunistas

Programa musical tem ido além da valorização dos talentos 60+, trazendo debates sobre etarismo e as conquistas femininas

Notícias

Atividade online oferecida pelo Campus Virtual Fiocruz tem como cuidados integrais, vacinação, contatos sociais, entre outros

Saúde & Bem-estar

Em sua 9ª edição, campanha alerta para a importância do cuidado com a saúde mental em tempos de prolongada pandemia e crises