conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Notícias

Exército das Poderosas no Reclame Aqui

Monica Feldenheimer foi contratada há dois anos por Maurício Vargas

Um exército de cem poderosas e poderosos vai invadir a sede do Reclame Aqui, na cidade de São Paulo, neste sábado, dia 5 de julho. Eles foram escolhidos entre mais de 400 pessoas com mais de 55 anos para participar do projeto Exército das Poderosas, do Instituto Reclame Aqui. O treinamento gratuito de quatro sábados será sobre SAC 4.0, mas, mais que uma capacitação, o CEO do Reclame Aqui, Maurício Vargas, 57 anos, promete uma rica experiência. Ele recebeu o blog na semana passada.

A convocação para o projeto foi feita por meio do LinkedIn de Maurício, primeiro como Exército das Vovozinhas, e depois o nome mudou para Exército das Poderosas, aberto também para a participação de homens mas com ênfase nas mulheres. O interesse em trabalhar com este público começou em 2017, quando o Reclame Aqui ofereceu duas vagas para pessoas com mais de 55 anos e recebeu cerca de cinco mil currículos. Uma das contratadas foi Monica Feldenheimer Silva, na ocasião com 69 anos.

“Esse fiz só no meu LinkedIn porque não dava para abrir pra todo mundo. A gente leu todas as histórias, porque não pedimos currículos, pedimos histórias”, explica Maurício. Os professores serão voluntários, assim como os 30 funcionários que serão padrinhos dos participantes, oferecendo suporte e compartilhando a experiência em atendimento. “Acredito que muitos deles não vão arrumar emprego, mas muitos nós vamos reconectá-los a sociedade, porque existe uma disrupção entre essa geração e a outra”, avalia Maurício.

No treinamento, os participantes vão aprender como atender via os canais de SAC 4.0, que são todos oriundos da internet: chat, e-mail, fale conosco, o próprio Reclame Aqui e as redes sociais Facebook e Twitter. “Nós vamos dar ênfase para o Reclame Aqui, porque nós geramos no Brasil mais de 16 mil empregos indiretos. Só a Via Varejo tem mais de 200 pessoas que trabalham apenas com Reclame Aqui”, destaca Maurício, que está preparando uma verdadeira acolhida com café da manhã, lanche reforçado e música. “Vai ser uma experiência e a primeira palestra é impactante: ‘O mundo mudou e talvez você não saiba. Você vai aprender agora’. Eu vou contar tudo que está acontecendo didaticamente”, adianta.

A expectativa de Maurício é que entre 25% a 30% das pessoas consigam se recolocar: “Estou trabalhando as empresas e elas querem, principalmente dentro do seu atendimento, porque vêm do Reclame Aqui com o treinamento. Eles são bem melhores, lógico que tem que pagar um pouco mais”. Uma parceria também já foi feita com a Maturijobs e os participantes serão incluídos na plataforma que reúne oportunidades de trabalho para o público 50+. O Exército das Poderosas deve ganhar novas edições em breve.   

Maurício prepara uma acolhida especial para as poderosas e poderosos

Motivação

Maurício diz que aos 57 anos não se sente velho e se não fosse o fundador e presidente da empresa, provavelmente estaria desempregado. Há 20, 30 anos, talvez até aposentado. “No Brasil, uma grande frustração é que os empresários acham que o cara a partir de 40 anos já é velho. E velho é o pensamento desse empresário, que não consegue somar esse quesito experiência no currículo”, afirma, destacando como tem sido fantástica a experiência da empresa com diferentes gerações trabalhando juntas.

Voluntários

Para os padrinhos, o Exército das Poderosas promete ser uma experiência enriquecedora. Na semana passada, eles fizeram um mutirão para entrar em contato com os participantes e se apresentarem. O único receio da madrinha Priscila Silva, por exemplo, é não atender a expectativa dos poderosos. Uma das pessoas com que ela fez contato é uma pedagoga que ficou animadíssima com a oportunidade e um homem com mais de 30 anos de experiência em grandes empresas também empolgado com o projeto. “Eu acho que isso pra gente, pelo menos pra mim, está sendo uma experiência muito mais rica do que para eles”.

O padrinho David Marinho já tinha feito contato com cinco pessoas e apenas uma delas não poderia participar porque tinha conseguido um trabalho extra para a data. “As quatro ficaram bem interessadas, estão supercontentes e animadas para participar. Eu acho que vai ser uma experiência bem incrível no momento de vida delas”. O jovem se surpreendeu com o fato de pessoas com formação e experiência de vida estarem desempregadas.

Monica e outros funcionários serão padrinhos dos participantes do projeto

Poderosa

Monica, hoje com 71 anos, também será uma das madrinhas. Ela conta que em 2017 soube da vaga pela filha e decidiu se candidatar. Em 2015, era secretária de diretoria e acreditando que não estava mais atendendo como devia, resolveu parar. “Acho que escrevi: ‘sou a vó que vocês querem contratar’. Aí me chamaram, fizeram uma reunião, e fui selecionada. Fiquei superfeliz”, conta. O treinamento foi feito por uma jovem de 20 e poucos anos que tinha uma avó mais nova que Monica. “Ela foi muito bacana, muito gentil, no geral todo mundo é muito receptivo e compreensivo”. Depois de um ano e meio no atendimento, recentemente ela passou a fazer parte da equipe de mediação. O curso foi pago pela empresa.

Seu plano é continuar na mediação e fazendo outros cursos que vão surgindo. Ela conta que está concluindo um curso de Mediação familiar voltado para idoso em situação de risco e está de olho em um outro de Saúde e Espiritualidade. “Não dá pra parar. Eu falo: “enquanto Deus me der saúde e agilidade eu não vou parar’”. (Katia Brito)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Colunistas

Programa musical tem ido além da valorização dos talentos 60+, trazendo debates sobre etarismo e as conquistas femininas

Iniciativas & Projetos

Evento será em formato híbrido, presencial e online, com diversas palestras e expositores, com início no dia 29 de setembro

Saúde & Bem-estar

Em sua 9ª edição, campanha alerta para a importância do cuidado com a saúde mental em tempos de prolongada pandemia e crises