conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Saúde & Bem-estar

Especialista dá dicas para manter a saúde digestiva

Dr. Felipe Borges, cirurgião do aparelho digestivo, destaca os principais cuidados e as possíveis doenças do aparelho digestivo

Saúde digestiva

Para um envelhecimento saudável, é fundamental manter a saúde digestiva. O dr. Felipe Borges, cirurgião do aparelho digestivo, da Gastrofig, recomenda que o primeiro cuidado deve ser sempre lembrar de beber bastante água, durante o dia todo. Uma boa hidratação ajuda a regularizar o funcionamento intestinal e é um dos hábitos que vai contribuir para a saúde do sistema digestivo.

O aparelho digestivo é um conjunto de órgãos, que como o nome já diz, cuida da ingestão, digestão e absorção dos elementos nutricionais fundamentais para a nossa existência. Em relação à dieta, o ideal, segundo o especialista, é uma dieta fracionada, com pequenas porções a cada três ou quatro horas. As orientações são mastigar bem os alimentos, comer devagar, não beber nada junto com a refeição e não se deitar após comer.

Dr. Felipe Borges - Saúde digestiva

De acordo com o cirurgião (foto), uma dieta saudável com menor ingestão de carne vermelha e o aumento do consumo de fibras e alimentos integrais, fracionada com pequenas porções, favorece também a perda de peso. A dieta, assim, colabora para evitar ou controlar duas doenças: a esteatose hepática (que é o aumento da gordura do fígado) e a obesidade.

As medidas preventivas para reduzir a chance de doenças e manter a saúde digestiva devem incluir ainda campanhas de conscientização pela moderação ou abandono do consumo de álcool, adoção de hábitos saudáveis aliados à atividade física.

Doenças

Entre as principais doenças relacionadas ao sistema digestivo, o especialista destaca o refluxo gastroesofágico, a constipação intestinal, a gastrite, a esteatose hepática e a síndrome do intestino irritável. Em pessoas idosas, o mais comum, segundo ele, é a gastrite crônica, por exemplo, devido ao uso constante de vários medicamentos que irritam o estômago.

O cirurgião explica que em cada ordem do aparelho digestivo encontramos alterações específicas associadas à idade mais avançada, como no fígado, com a redução do volume do fígado (20-40%) e do fluxo sanguíneo hepático, reduzindo o metabolismo de medicações. Os fatores de risco para o surgimento de doenças incluem ainda fatores genéticos, uma dieta inadequada, consumo excessivo de álcool e o sedentarismo.

(Fonte: JS Press / Imagem principal: Alimento foto criado por freepik – br.freepik.com)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Colunistas

Programa musical tem ido além da valorização dos talentos 60+, trazendo debates sobre etarismo e as conquistas femininas

Iniciativas & Projetos

Evento será em formato híbrido, presencial e online, com diversas palestras e expositores, com início no dia 29 de setembro

Saúde & Bem-estar

Em sua 9ª edição, campanha alerta para a importância do cuidado com a saúde mental em tempos de prolongada pandemia e crises