conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Iniciativas & Projetos

Curso Curiosa Idade está com inscrições abertas para a turma de abril

Atividade promovida para os 60+ pela Pós-Graduação em Ciências do Envelhecimento da São Judas promove inclusão e qualidade de vida

Curiosa Idade aborda temas como tecnologia, psicopedagogia, arteterapia, nutrição e neurociência

O Curiosa Idade, curso intergeracional online e gratuito, destinado a pessoas 60+, inicia em abril sua quarta turma. As vagas são limitadas a 50 participantes por turma. Para o próximo semestre, estão previstas mais duas turmas. As inscrições para a Turma 4, com início no dia 29 de abril, podem ser feitas pelo link.

O início das atividades foi no ano passado, com duas turmas que participaram de aulas e oficinas. O curso, idealizado pela arteterapeuta Jane Barreto, tem como objetivo apresentar experiências e vivências em diversas áreas de conhecimento para o público 60+. A primeira turma deste ano foi a Turma 3, em fevereiro.

A iniciativa é da Universidade São Judas, do grupo Ânima Educação, por meio do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Envelhecimento. Para participar do Curiosa Idade, basta ter 60 anos ou mais, acesso ao WhatsApp, celular e computador. Haverá uma rede de suporte para eventuais problemas relacionados à compreensão e ao uso das ferramentas online.

A duração é de oitos aulas, realizadas sempre às quintas-feiras das 14 às 16 horas, em ambiente virtual pela plataforma Google Meet. A programação inclui atividades dinâmicas, aulas expositivas dialógicas, construções, reflexões e debates, exercícios e compartilhamento na arte do encontro. Os participantes contam com apoio e suporte de voluntários.

Ao longo do Curiosa Idade são abordados temas como tecnologia, psicologia, psicopedagogia, arteterapia, nutrição, educação física e neurociência. Ao final das atividades, os participantes que frequentaram 80% dos encontros recebem um certificado digital.

Inclusão e pertencimento

Jane Barreto (foto), idealizadora do Curiosa Idade, é arteterapeuta, pedagoga, psicopedagoga e mestre em Reabilitação do Equilíbrio Corporal e Inclusão social. Ela também coordena o Criativa Idade da ESPM. Segundo Jane, o curso da São Judas promove a inclusão, qualidade de vida e pertencimento social, com um cunho mais acadêmico com a participação de várias áreas.

As atividades complementam as atividades presenciais oferecidas pela São Judas para o público 60+, por meio do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Envelhecimento. O mestrado tem como objetivo desenvolver conhecimento sobre o envelhecimento abrangendo as interfaces de vários saberes, em uma perspectiva interdisciplinar.

(Imagem principal: Café foto criado por shurkin_son – br.freepik.com)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Colunistas

Programa musical tem ido além da valorização dos talentos 60+, trazendo debates sobre etarismo e as conquistas femininas

Notícias

Atividade online oferecida pelo Campus Virtual Fiocruz tem como cuidados integrais, vacinação, contatos sociais, entre outros

Saúde & Bem-estar

Em sua 9ª edição, campanha alerta para a importância do cuidado com a saúde mental em tempos de prolongada pandemia e crises