conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Notícias

Aging2.0 anuncia vencedores da Chamada de Negócios

Vencedores e apoiadores da Chamada de Negócios da Longevidade

Um dos destaques da Longevidade Expo+Fórum foi o anúncio dos vencedores da II Chamada de Negócios da Longevidade, promovida pela Aging2.0 São Paulo e pela aceleradora Ativen. E o blog que vem acompanhando desde a abertura das inscrições não podia ficar de fora. Os finalistas foram divulgados no dia 28 de agosto (leia a matéria no blog) e, no fim da tarde do dia 30 de setembro foi a vez dos três premiados: Tech Balance, Upcare e Vib Eye. Na foto, Samuel Lima, da Vib Eye; Henrique Noya, do Instituto Mongeral Aegon; Fabiana Almeida, da Tech Balance; Celso Kenji Ishi e Luciana Mitsue Sakano, da Upcare; Sérgio Duque Estrada, da Aging 2.0 São Paulo, e Fabio Madeira, da Longevidade Expo+Fórum.

Desde 29 de setembro, primeiro dia da feira, as dez startups finalistas da Chamada de Negócios (veja quem foram no link) estiveram presentes no estande da Aging2.0, interagindo com o público e empresas. Parte deles também com estandes próprios como a Aura60+, Helpmy, Espaço Longeviver & Portal do Envelhecimento e Vem, Vida Suplementos.  

Fabiana Almeida da Tech Balance vencedora da Chamada de Negócios
Fabiana apresentou rapidamente a Tech Balance

Sérgio Duque Estrada, embaixador da Aging2.0, comandou o evento na Longevidade Expo+Fórum. E a primeira startup vencedora da Chamada de Negócios foi a Tech Balance, representada pela CEO Fabiana Almeida. O gerente-geral da Longevidade Expo+Fórum, Fabio Madeira, entregou o troféu. A Tech Balance é uma plataforma para detectar, predizer e prevenir quedas de pessoas idosas por meio da triagem de risco e teste motor. Saiba mais no site.

Fabiana comemorou a conquista do primeiro prêmio da startup que funciona como empresa desde abril de 2018. “A gente está muito feliz. É muito tempo, esforço, trabalho, eventos e fins de semana. Esse primeiro prêmio vem junto com a certeza do trabalho entregue mesmo, e isso que é legal. Nós fomos foi muito firmes em construir uma ideia de solução e startup que tivesse atrelada a resultados. A gente está rodando, está com o produto com bons feedbacks no mercado. Acho que o prêmio consolida isso”, destacou.

Gestão do cuidado

A segunda vencedora anunciada foi a Upcare, representada por um dos fundadores, Celso Kenji Ishi. A startup oferece uma ampla gestão do cuidado como foco nas necessidades das pessoas idosas e familiares, com acompanhamento gerontológico e facilidade para a contratação direta de profissionais. O troféu foi entregue por Henrique Noya, do Instituto Mongeral Aegon. Conheça a startup no site.   

Celso Kenji Ishi da Upcare vencedora da Chamada de Negócios da Longevidade
Celso desenvolve soluções de cuidado com a Upcare

Estreantes em eventos do porte da Chamada de Negócios da Longevidade, Celso também celebrou a conquista. Já são aproximadamente dois anos trabalhando na solução, que cresceu com a chegada da sócia Luciana Mitsue Sakano. “Ficar entre os dez finalistas já foi um grande motivador para apontar que a gente está no caminho certo. Agora ficar entre as vencedoras, realmente percebo que devemos persistir e esse é o caminho para impactar mais pessoas”, afirmou.

A solução de cuidado foi inspirada no pai de Celso: “Minha família passou por esses problemas. A gente precisou de cuidado, viveu o desamparo. De certa forma depois que meu pai faleceu isso se tornou uma missão. Ele me deixou como herança um quebra-cabeça e depende de mim montar esse quebra-cabeça e conseguir colher os frutos”.

Deficiência visual

O último vencedor anunciado foi a Vib Eye, com o dispositivo que tem como objetivo melhorar a mobilidade de  pessoas com deficiência visual e pode ser acoplado a qualquer acessório. Samuel Lima recebeu o troféu das mãos de Sérgio Duque Estrada.

Samuel Lima da Vib Eye vencedora da Chamada de Negócios
Samuel destacou o impacto social da Vib Eye

O projeto surgiu na Universidade Federal do Ceará em 2017, e agora está começando a operação em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo. A pré-venda do dispositivo que evita acidentes ou obstáculos aéreos já está aberta. No ano que vem será lançado o aplicativo que será integrado ao dispositivo. Saiba mais no site.

“Para a gente é muito importante, porque conseguimos contatos, pessoas que se interessaram, conheceram. A gente teve também um teste no estande com uma senhora que provou e adorou o produto. Acho que esse tipo de feedback é muito importante e ajuda bastante a gente a entender que está na direção certa. Só precisa de mais um pouco de esforço para ver o projeto logo, logo na mão dessas pessoas gerando impacto social direto por meio da tecnologia”, ressaltou Samuel. Segundo ele, das mais de 6,5 milhões de pessoas com deficiência visual no mundo, cerca de 80% têm mais de 50 anos.  (Katia Brito)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba todas as nossas novidades





Leia também

Artigos

*Egídio Dórea Simone de Beauvoir, célebre filósofa francesa e autora de um dos mais profundos estudos antropológicos sobre a velhice, resgatou nesse livro uma...

Notícias

Atividade online oferecida pelo Campus Virtual Fiocruz tem como cuidados integrais, vacinação, contatos sociais, entre outros

Eventos

O Programa Vem Dançar, iniciativa da Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEME), terá neste ano um...

Notícias

Medida adotada pela prefeitura da capital, que entrou em vigor em fevereiro, vem gerando questionamentos por ter retirado um direito adquirido de idosos com...